Benedito Ottoni

    Cristiano Benedicto Ottoni nasceu em Serro (MG) no dia 30 de Maio de 1811 e morreu no Rio de Janeiro no dia 18 de Abril de 1896.

    Estudou na Academia da Marinha e cursou também a Escola Militar onde se formou, em 1837, engenheiro. Não era especialista em construções ferroviárias, pois nessa época não existiam no Brasil escolas de engenharia especializadas, mas passou a estudar o assunto por conta própria com os livros que mandou trazer da Europa. 

    Benedicto Ottoni foi presidente da Estrada de Ferro Dom Pedro II, e se tornou uma das figuras mais notáveis no ferroviarismo brasileiro, pela sua liderança na construção da estrada de ferro e também pelos trabalhos publicados, dentre os quais destaca-se o livro O Futuro das Estradas de Ferro no Brasil.

    Foi capitão-tenente da Marinha, engenheiro, foi professor na Escola de Engenharia da Marinha, mais tarde Escola Central de Engenharia, e, a seguir, Escola Politécnica de Engenharia do Rio de Janeiro e se destacou também como político: foi senador e deputado do Império e da República.

Fonte: Silva Telles; Wikipédia